segunda-feira, 12 de março de 2012

O mel e a canela


Qual é o único alimento que não estraga?  O mel de abelhas.

 


A mistura de Mel e Canela cura a maioria das doenças.
 
O mel é produzido em quase todos os países do mundo. Apesar de ser doce, a
ciência demonstrou que, tomado em  doses normais como medicamento, o mel não
faz mal aos diabéticos.
 
A revista "Weekly World New" do Canadá, na sua edição de 17 de  Janeiro de
1995, publicou uma lista das doenças que são curadas pelo mel misturado com
Canela.
 


DOENÇAS DO CORAÇÃO:
      Faça uma pasta de mel com canela. Coloque no pão e coma-o regularmente
no café da manhã no lugar de manteiga e geléia
      Reduz o colesterol nas artérias e previne problemas no coração
Também previne novos enfartos nas pessoas que já tiveram um antes.
      O uso regular deste processo diminui a falta de ar e fortalece as
batidas do coração.
      Nos Estados Unidos e Canadá, se utiliza esta pasta continuamente nos
asilos, descobriu-se  que o mel com canela revitaliza as Artérias e veias dos
pacientes idosos e as limpa.
 
      PICADAS DE INSETOS:
      Misture uma colherzinha de mel, duas colherzinhas de água morna e uma
colherzinha de canela em pó.
Faça uma pasta com os ingredientes e esfregue-a suavemente sobre a  picada. A
dor e a coceira irão desaparecer em um ou dois minutos.
 
      ARTRITE:
      Misturar: uma xícara de água morna com duas colheradas de mel  uma
colherzinha de canela em pó.
      Beber uma de manhã e uma de noite. Se tomar com freqüência pode até
curar a artrite crônica.
      Numa pesquisa feita na Universidade de Kopenhagen os médicos deram aos
seus pacientes diariamente, antes do café da manhã, uma colherada e mel e 1/2
de canela em pó. Em uma semana, de 200 pacientes que seguiram o tratamento, 75
deixaram de ter dor inteiramente.
     Um mês depois todos os pacientes estavam livres da dor, mesmo aqueles que
quase não conseguiam já caminhar.
 
      PERDA DE CABELO:
      Os que sofrem de calvície ou estão perdendo o cabelo, podem aplicar uma
Pasta de azeite de oliva o mais quente que resistir, uma colherada de Mel e
uma colherzinha de canela em pó no couro cabeludo. Deixar por 15 minutos antes
de lavar. Foi comprovado que é eficiente mesmo quem deixar a pasta na sua
cabeça somente 5 minutos.
 
      INFECÇÕES DE RINS:
      um copo de água morna misturada com duas colheradas de canela em pó e
uma colherada de mel, mata os germens que produzem infecção nos rins. Tomar de
manhã e de tarde até que a infecção acabe.
 
      DOR DE DENTES:
      Fazer uma pasta com uma colherzinha de canela e cinco colherzinhas de
mel e aplicar no dente que está doendo, Repita pelo menos 3 vezes ao dia.
 
      COLESTEROL:
      Duas colheradas de mel com três colherzinhas de canela misturados em
meio litro de água. Deve tomar-se 3 vezes ao dia, isto reduz o colesterol em
10% em  2 horas. Tomado diariamente elimina o  colesterol
 
      RESFRIADOS:
      Para curar completamente sinusites, tose crônica e resfriados comuns ou
severos, misturar uma colherada de mel com 1/4 colherada de canela em pó e
tomar com freqüência. A mistura de mel com canela também alivia os gases no
estômago,
Fortalece o Sistema de Imunidade, e alivia a indigestão.
 
      VELHICE:
      Também evita os estragos da idade quando se toma regularmente...
      Misture, uma colherada de canela e três xícaras de água. Ferva para
fazer um chá quando amornar, coloque 4 colheradas de mel, e beba 1/4 de
xícara,  três ou quatro vezes ao dia       Mantém a pele fresca e suave, e
diminui os sintomas da idade avançada.
      Beber este chá alonga a vida e até uma pessoa de 100 anos pode melhorar
muito e se sentir como alguém muito mais jovem.
 
      PERDA DE PESO:
      Diariamente, meia hora antes de deitar e meia hora antes de tomar café,
beba Mel com canela  numa xícara de água. Se beber todo dia reduz o peso até
de pessoas muito obesas.
 
      DOR DE GARGANTA:
      Tome de quatro em quatro horas uma colherada de mel misturada com meia
colher de Vinagre De Sidra.
 
 
obs.: MEL não deve ser fervido, perde muito o valor das substancias curativas