segunda-feira, 14 de maio de 2012

GESTAÇÃO

DICAS IMPORTANTES
*
A gestação não é momento de comer o dobro e sim de ingerir os nutrientes adequados para a formação do bebê e a manutenção da saúde da futura mamãe”, explica Regina Stikan, nutricionista e chefe do setor de Nutrição do Hospital e Maternidade São Camilo, em São Paulo. A seguir, ela orienta como manter a forma nesse período.
*
*
1- Esqueça as frituras. Elas são ricas em gorduras saturadas e calorias e pobres em nutrientes. Prefira preparações grelhadas, assadas e cozidas.
*
2- Alimentos integrais (pão de aveia, farelo de trigo, macarrão e arroz) são fontes de fibras e excelentes para o funcionamento intestinal que, nos últimos meses de gestação, tende a ficar mais lento.
*
3- Aumente o consumo de verduras, legumes e frutas, pois são importantes fontes de vitaminas e minerais, além de pouco calóricos.
*
*
4- Modere a adição de sal nas preparações, principalmente se observar retenção de líquidos ou aumento da pressão arterial. Nesse caso, diminua o sódio e troque-os por temperos naturais que realçam o sabor dos alimentos.
*
5- O ferro, encontrado nas verduras em geral, principalmente naquelas de folhas verde-escuras, e na carne, é um nutriente importante e exige maior consumo durante a gestação. Uma boa dica para melhorar a absorção dele é incluir alimentos ricos em vitamina C como laranja, mexerica, morango e acerola após as refeições.
*
6- Mastigue bem e faça várias e pequenas refeições ao longo do dia. Elimine os líquidos nesses períodos para reduzir a sensação de náuseas e facilitar a digestão.
*
7- Escolha alimentos coloridos e variados. Assim você supre as necessidades nutricionais sem deixar cair na monotonia alimentar.
*
8- Substitua bebidas alcoólicas e refrigerantes por sucos naturais (melão, mamão, cenoura, beterraba, manga, laranja).
*
*
9- A ingestão de líquidos é muito importante e deve ser de, no mínimo, 2 litros por dia para garantir uma boa hidratação.
*
10- Evite a ingestão de café, assim como de refrigerantes à base de cola e cigarro. Todos eles interferem na absorção do ferro pelo organismo.
*
11- Uma gravidez saudável deve ter uma dieta equilibrada. O acompanhamento nutricional é importante desde o início, considerando o peso da gestante, as necessidades calóricas e os demais nutrientes.
*
Complementando:
*
. Faça várias e pequenas refeições durante o dia. Assim, você não fica muito tempo sem comer e não corre o risco de exagerar na comida;
*
. Se você enjoar muito, procure ingerir alimentos pastosos como sopas-creme e purês de legumes, que são de fácil digestão. Entretanto, eles não devem conter muita gordura;
*
.Cuidado com os alimentos dietéticos e adoçantes em excesso. Eles contêm substâncias químicas. Converse com seu médico a respeito;
*
.Fique atenta a balança. O peso aceitável para você adquirir durante esse período varia de nove a 12 quilos;
*
.Fazer dieta por conta própria não é recomendável; principalmente na gravidez. Procure um médico ou um nutricionista para ajudá-la a montar um cardápio;
*
*
.Preste atenção nas mudanças em seu visual. Olhe-se no espelho por inteira ou sinta seu corpo ao passar um hidratante. Assim você acompanha cada mudança passo a passo e não perde a noção de sua verdadeira imagem corporal;
*
.Coma um filé de peixe, frango ou carne magra todos os dias. Além desses alimentos darem a sensação de saciedade, garantem proteínas suficientes para o bebê e ainda ajudam a dar elasticidade a sua pele, evitando estrias;
*
.Não tome remédios para emagrecer, como moderadores de apetite ou aceleradores do metabolismo. Podem fazer mal a você e ao seu bebê. Consulte sempre seu médico;
*
.Não abandone totalmente suas atividades físicas normais só porque está grávida. O mais recomendável é diminuir um pouco o ritmo;